Notícias

CELSE recebe visita de diretores da Energisa

A CELSE – Centrais Elétricas de Sergipe S.A. – recebeu a visita dos diretores da Energisa, na última sexta-feira, dia 18 de maio, no Complexo Termoelétrico Porto de Sergipe I, na Barra do Coqueiros.  Os executivos da concessionária de energia foram recepcionados pelo diretor de implantação da CELSE Edio Rodenheber e pelo engenheiro elétrico Alberto Brito.
 
Na ocasião, Édio agradeceu a visita e realizou a integração da CELSE com a diretoria da Energisa, bem como apresentou ao time o projeto do Complexo Termoelétrico. “Recebemos a visita com satisfação. As portas da usina estão abertas. Estamos sempre dispostos a apresentar o projeto do nosso empreendimento para empresas parceiras como a Energisa”, ressaltou o diretor.
 
O presidente-CEO do Grupo Energisa Ricardo Botelho destacou que a instalação da termoelétrica em Sergipe é motivo de orgulho para o estado.   “Percebemos que é um projeto bem arrojado, com muita tecnologia, inédito em vários aspectos. Nós, que somos engenheiros elétricos, gostamos de ver obras. Então presenciamos uma exposição muito interessante sobre a termoelétrica. Sou do setor há bastante tempo, mas nunca tinha visto nada parecido no Brasil.  Ficamos felizes em ter uma empresa que investe em um serviço essencial para o país”, celebrou.
 
Após a reunião, o grupo visitou as instalações da usina e conheceram as obras da subestação, área dos transformadores, torres de resfriamento, montagem de caldeiras, estação de tratamento de água; tanques de água; oficina e prédios administrativos.
 
Presenças
 
Participaram da reunião o engenheiro eletricista da CELSE Alberto Brito, o técnico de segurança do trabalho da CELSE Jorge dos Santos e a equipe diretiva do Grupo Energisa composta pelo vice-presidente de distribuição Gioreli de Sousa Filho, pelo vice-presidente de suporte aos negócios José Marcos Chaves de Melo, além do diretor técnico e comercial da Energisa Sergipe Juliano Ferraz.
 
Sobre a CELSE
 
A CELSE (Centrais Elétricas de Sergipe S.A.), empresa criada pela brasileira EBRASIL-Eletricidade do Brasil e a Golar Power (joint-venture entre a norueguesa Golar LNG e o fundo de investimentos americano Stonepeak Infrastructure Partners), foi fundada em 2015 para a geração e comercialização de energia elétrica a partir de unidades geradoras de energia termoelétrica a gás. A empresa, instalada no estado de Sergipe em um terreno de 120 hectares, no município de Barra dos Coqueiros, terá uma capacidade instalada de 1.551 MW. A CELSE foi vitoriosa no Leilão de Energia Nova A-5 em abril de 2015, estabelecendo 26 contratos para entrar em operação comercial em janeiro de 2020.